17 de janeiro de 2013

Para pensar, refletir e mudar (sempre).

Para que todos nós reflitamos, copiei esta frase do blog Vegans Vegetarianos:

"Uma tonelada de vegetais para alimentar as pessoas equivale a uma tonelada de alimentos, porém uma tonelada de vegetais para alimentar o gado vai se transformar em menos de 200 kilos de carne, ou seja, desperdiçamos 80% deste alimento para converte-lo em carne, o que é extremamente ineficiente para um planeta com milhões de pessoas passando fome. Se todos fossem vegetarianos poderíamos ter cinco vezes mais alimentos disponíveis e ainda preservar nossas últimas florestas".

Quando me perguntam porque eu virei vegetariana, respondo sempre que são vários os motivos. Não quero ficar entrando em discussão com quem não está aberto e essa resposta é excelente para perceber o quão aberto está o interlocutor. O motivo acima com certeza é bem forte e deveria ser pensado por todos os que ainda consomem carne, seja na hora que estão fazendo suas compras no mercado seja escolhendo o prato nos restaurantes. Existem muitas opções protéicas disponíveis fora do reino animal e muito mais saudáveis, pois são isentas de colesterol. Quem buscar se informar sobre os benefícios de uma dieta vegetariana vai se deparar com uma série de textos, debates e etc. dizendo que os riscos de entupimento de artérias, doenças cardíacas, de cânceres e outros males são muito menores em vegetarianos. Também vai se deparar com constatações de que nosso organismo é similar ao dos herbívoros, e não ao dos carnívoros. Do tamanho de nosso intestino ao movimento de nossa mandíbula, tudo aponta para que somos vegetarianos por natureza. 

Nossa sociedade sofre com as consequencias terríveis de nosso sistema atual, onde o lucro sempre crescente, as grandes companhias são seus reflexos inevitáveis. Nosso planeta vem sendo destruido pelo desmatamento, pelo evenenamento do solo, do ar e das águas, pela intensa produção de lixo, que poderia ser diminuida se repensassem nas inúmeras embalagens que um só produto tem, pelo consumo desmedido. O problema da fome tem o lucro como obstáculo. Além do que aponta a citação no início desta postagem, lembremos dos galpões de alimentos queimados devido a produção acima da esperada e o interesse em manter os preços altos. Tem tanta coisa errada... Se cada um fizesse um pouco de força para o outro lado, ajudaria. Sei que o esforço deve ser muito mais que um pouco, mas a mudança deve ser iniciada em qualquer nível que seja. Vamos juntos!